Road trip Andaluzia: descobrindo a Espanha

No meio do nosso mochilão pela Europa, planejamos um trecho de carro, percorrendo dois países e otimizando o máximo possível a viagem. Viajar de carro proporciona uma liberdade incrivel, mas precisa ser bem planejada para não ficar cansativa e cara. Nós alugamos o carro em Madrid, e percorremos cerca de 2.500 kilometros, entre diversas cidades de Portugal e Espanha. Já postamos o roteiro pelo Algarve em Portugal e a seguir, iremos contar tudo sobre essa região incrivel da Espanha.

Andaluzia é uma grande região ao sul da Espanha, denominada por montanhas, rios, vilarejos medievais, monumentos arquitetônicos incriveis e até praias. É a segunda maior comunidade autônoma espanhola e a mais populosa (comunidade autonôma na Espanha, seria equivalente às regiões brasileiras). Sua capital é Sevilla, a terceira maior do país. Por muito tempo foi uma região disputada entre diversos povos: fenícios, gregos, romanos, árabes, e dominada por mouros. Como herança dessa época ficaram lindos monumentos arquitetônicos e influência na cultura, gastronomia e até algumas palavras. Nessa região encontramos a famosa rota dos Pueblos Blancos.

Dicas importantes

Antes de fazer uma road trip em outro país, verifique se a locadora permite que você faça trajeto entre países. Algumas locadoras podem cobram taxa extra por isso, e caso o faça sem autorização prévia pagará multa. Verifique também em cada país que for cruzar fronteira se há exigência ou não de alguma autorização especifica, como a PID (carteira de habilitação internacional). Para o trecho Portugal x Espanha não precisamos de nenhum documento além da CNH, confirmamos com a locadora a permissão para cruzar fronteira e pegamos o carro com kilometragem livre.

Outro ponto importante, verifique autorização para o aluguel do carro com mais de um motorista, caso faça uma viagem longa. Nossa viagem total foi de 21 dias mas com várias paradas, então nesse caso Lucas meu esposo optou por dirigir sozinho (para inclusão de motorista adicional havia taxa), na maior parte das vezes o trecho entre cidades foi curto e bem tranquilo.

Para toda viagem de carro que fizemos na Europa usamos o Google Maps para calcular rotas, com chip de internet que compramos em Paris (funcionou na maior parte). Mas uma dica importante: se puder já verifique o trajeto com antecedência e baixe o mapa offline dos trechos e cidades que for percorrer (a gente fazia isso na véspera de cada trecho).

Nosso roteiro ficou dividido assim:

  • 2 noites em Sevilla
  • 1 noite em Arcos de La Frontera
  • 1 noite em Ronda
  • 2 noites em Granada
  • 2 noites em Córdoba

Começando (e muito bem) nossa road trip: Sevilla

Nosso ponto de partida para essa aventura foi Faro em Portugal no dia 30/08/2018, e nossa primeira parada na Andaluzia foi a incrível cidade de Sevilla. Foi um trecho curto cerca de 3 horas e pouco mais de 200 kilometros de estrada.

Assim que entramos já fiquei apaixonada, que cidade l-i-n-d-a! Nós chegamos com o entardecer, então tudo estava dourado. Uma mistura de arquitetura histórica com moderna, muitas palmeiras e árvores, um grande rio cortando a cidade… Eu ainda não conhecia Barcelona na época, mas hoje relembrando aqui para vocês posso dizer que Sevilla é uma mistura deliciosa de Barcelona com Paris. Chegamos cansados e tarde (entardecer acontecia na época umas 20h), após rodar e muito para conseguir estacionar o carro, fizemos check-in no hotel, tomamos um banho, pegamos algo para comer num mercado próximo e descansamos!

Uma coisa que talvez você não saiba: é muito difícil estacionar nas cidades européias, em muitas ruas os carros não transitam, há regras de horário ou de fluxo. Os hotéis e apartamentos não possuem garagem, e ruas são estreitas. O que vimos muito eram grandes estacionamentos, alguns subterrâneos em que você paga mensal ou alguns que cobravam por minuto (é muito caro). Há poucas vagas gratuitas nas ruas, principalmente próximas aos locais turísticos e centros históricos.

Tivemos dois dias inteiros em Sevilla, e a programação foi a seguinte:

dia 1: Catedral/Giralda – Setas de Sevilha (Metropol Parasol) + mercado de la Encarnacion – Plaza Nueva – Bairro Santa Cruz – La Carbonería (casa de flamenco free)
Dia 2: Real Alcázar de Sevilha – Plaza de España – Plaza de América – Torre del Oro – Plaza de Toros

Ficamos num hotel bem central, e devido a dificuldade de estacionar, o carro ficou parado e fizemos tudo a pé. Não usamos nem mesmo transporte público, mas andamos bastante! Importante ressaltar que o calor nessa epóca estava muito intenso e andar pelos centros históricos, em meio às construções e pouca sombra, foi bem difícil. Os termômetros passavam de 40 graus, a gente andava dia todo e ficava muito cansados.

Outra coisa que não consultamos antes, e fomos surpreendidos: na maioria das cidades espanholas e principalmente nessa região há as siestas, geralmente das 14h às 17h fecha tudo. A sesta é o tradicional sono durante o dia na Espanha (siesta em castelhano; migdiada em catalão), e por influência espanhola, em muitos países latino-americanos. Dizem que isso acontece devido ao calor excessivo, e pelas comidas pesadas que consomem no almoço.

Descobrimos isso quando fomos procurar almoço e tudo fechado, a gente olhava no google, chegava no local fechado, fechado, fechado. Estava um sol de raxar, a gente andando um monte e praticamente sem comida (sempre carregamos snacks na mochila, mas por ser primeiro dia na cidade, ainda não tinhamos feito uma boa compra e já não tinha mais). A solução: achamos uma praça, uma sombra, e resolvemos descansar. Então já sabe, dependendo a cidade, e a região que estiver aproveite esse momento e faça pausas, se programe!

Segunda parada: Arcos de la Frontera

Essa foi uma janela no roteiro e que virou uma boa surpresa! A programação era ir para Cadiz no litoral, mas após bons e intensos dias de praia que havíamos passado no Algarve, resolvemos mudar a rota. Escolhemos uma cidade de forma alternativa pelo próprio aplicativo do Airbnb, e nossa escolha foi baseada em: algo no meio do caminho, preço baixo e um apartamento equipado com lava/seca pois estava na hora de lavar as roupas. Conseguimos tudo isso e mais um pouco pois a cidade era encantadora.

Arcos de La Frontera é o mais populoso entre os pueblos blancos que aparecerão no seu caminho até Ronda, e marca o inicio deles para quem partiu de Sevilla como nós. Como essa cidade não estava previamente programada, não fizemos roteiro de onde visitar. A opção foi simplesmente sair andando pelas ruas sem compromisso algum, e foi perfeito. Não tem muito segredo, os pontos principais ficam bem próximos e concentrados no alto da colina. Tudo branquinho com o sol forte de verão quase nos derretendo.

Alias, lembram da siesta que comentei? Aqui ela é mais intensa e o período maior: maioria dos locais fechados entre 14h e 18h no verão. Nós andamos pelo bairro sozinhos, em pleno verão meio da tarde e parecia abandonada.

Rumo a Ronda com parada especial em Zahara de La Sierra

Eu fiquei perdidamente encantada com a estrada nessa região. Do nada você avista um castelo, uma colina com ruínas, e as vilas todas branquinhas que dava vontade de parar geral. Zahara de la Sierra foi assim, vimos de longe, não resistimos e fomos conferir.

Bem menor que Arcos de La Frontera, bem no alto e com uma vista de tirar o fôlego. Paramos o carro e andamos pouco mais de uma hora na cidade, curtindo a vista e tirando algumas fotografias.

Continuando a road trip pela Andaluzia, partimos rumo a cidade que eu mais esperava conhecer na região: Ronda. Quando estava montando o roteiro fiquei apaixonada pela Puente Viejo (ponte velha) e estava ansiosa para vê-la pessoalmente. Chegamos lá a cidade estava lotadérrima, decoração no centro, tudo em festa. Era domingo e teria corrida de cavalos na Plaza de Toros.

Nós tinhamos somente um dia todo para conhecê-la, é tranquilo fica tudo próximo porém devido ao evento na cidade, e acho que por ser domingo algumas atrações estavam fechadas. Nada que tenha interferido em nossa experiência, muito pelo contrario. Presenciar a cidade em festa, todos com vestimentas tradicionais, vimos de perto a cultura local e foi incrivel. Antes de entrar no evento, as pessoas ficam nos bares em pé, bebendo sangria, cervejas e comendo tapas. A cidade parecia um desfile, famílias inteiras com seu melhor traje nas ruas.

Dica extra: para ver a ponte por baixo, seguimos pelo google maps não tem erro. Pegamos uma rua fora do centrinho, depois estradinha e logo ja avistamos o monumento, inclusive tinha um van estacionada. Vale a pena demais, é imperdível. Fizemos uma breve caminhada pois já estávamos de partida para próximo destino, mas inclusive avistamos uma cachoeira e pessoas no vale abaixo da ponte.

Granada: a grande herança Moura

É conhecida por seus monumentos como a Fortaleza de Alhambra, o palácio Generalife e o fascinante bairro de Albaicín, listados como Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Eu me senti em outro país, é um mistura cultural incrivel.

Chegamos em Granada por volta do almoço, após aquela dificuldade em estacionar fizemos check-in no hotel e saímos para as andanças. O triste foi que como não reservei antes, não conseguimos ingresso para parte interna de Alhambra pois estavam esgotados, conseguimos entrar somente nos jardins de Generalife e mesmo assim foi incrivel. Se pretende entrar e ver tudo, programe com antecedência.

dia 1: Basilica San Juan – Monasterio de San Jeronimo -Plaza de la Trinidad/Pescadería/Bib-Rambla – Capela Real – Alcaicería (portal) – Plaza Nueva/Sta. Ana – Carrera del Darro – Alhambra+Generalife (reserve cerca de 5 horas aqui)
dia 2: Plaza Larga – Arco de las Pesas –  Mirador San Nicolás – Mezquita Mayor de Granada – Camino de San Nicolás – Placeta San Miguel Bajo – Mirador de la Lona – Calle Caldería –  Puerta Elvira/Bairro Sacromonte

Último destino da Andaluzia: Córdoba

Uma das cidades mais visitadas da Espanha, e foi nosso último destino dessa região incrivel. Córdoba possui um monumento religioso dos mais curiosos do mundo: Uma Mesquita Catedral. Já foi a segunda maior mesquita do mundo em superfície, ficando apenas atrás da Mesquita de Meca, e anos mais tarde transformou-se em Catedral Cristã.

Córdoba é uma cidade charmosa, cheia de flores e monumentos históricos. Seu centro histórico foi declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. Além da fascinante Mesquita-Catedral, a ponte romana também atrai muitas atenções.

Dia 1: Jardins e Mercado Victoria – Puerta de Almodóvar – antiga muralha – centro histórico – juderia – Sinagoga – Zoco Municipal – Mesquita/Catedral – Calle de las Flores – Alcázar de los Reyes Cristianos – Ponte Romana – Plaza de la Corredera – Plaza de las Tendillas
Principais pontos para visitar em Córdoba

Resumo e Considerações finais

Como mencionei acima, tivemos muita dificuldade em estacionar na maioria das cidades. Há estacionamentos pagos porem encarecem e muito a viagem. A viagem de carro foi incrivel, exploramos muitos destinos com tranquilidade mas como tudo na vida, há prós e contras.

Além da liberdade e praticidade, com vistas e paisagens lindas na estrada tivemos também imprevistos: em Ronda quando abastecemos o carro, era sistema automático e o combustível não entrou no tanque, não sabemos como nem o porquê e nem tinha a quem perguntar. Já em Granada, quando estávamos indo embora, com mochilas nas costas o carro não estava no local e tivemos que ir resgatá-lo num pátio pois havia sido guinchado. Foi um perrengue daqueles e o custo, quase maior que o aluguel. Tomem muito cuidado com isso, as regras de trânsito em outros países podem ser diferentes do que estamos acostumados.

Para quem estiver vindo de Portugal como nós, deixe para abastecer na Espanha! O combustível é muito mais barato.

dia 1: 30/agoquintaFaro/SevilhaInicio road trip Andaluzia:
Faro (Portugal) —> Sevilla (Espanha)
200 km +/- 3horas
dia 2: 31/agosextaSevilhaCatedral/Giralda -Setas de Sevilha (Metropol Parasol) – Plaza Nueva – B. Santa Cruz -La Carbonería (casa flamenco free)
dia 3: 01/setsábadoSevilha
(saída para Arcos de La Fronteira)
Real Alcázar de Sevilha- Plaza de España- Plaza de América- Torre del Oro- Plaza de Toros
dia 4: 02/setdomingoArcos de La Fronteira
(saída para Ronda)
parada em Zahara de la Sierra, inicio do roteiro em Ronda
dia 5: 03/setsegundaRonda
(saída para Granada)
El Tajo de Ronda – Jd de Cuenca – ponte Nova – Plaza de Toros – Casco Antigo – Casa del Rey Moro – Palacio del Marqués de Salvatierra – Arco de Felipe V – Puente Viejo/Arabe – Plaza Duquesa de Parcent – Cueva del Gato
dia 6: 4/setterçaGranadaBasilica San Juan – Monasterio de San Jeronimo – Plaza de la Trinidad/Pescadería/Bib – Rambla – Capela Real – Alcaicería (portal) – Plaza Nueva/Sta. Ana – Carrera del Darro – Alhambra+Generalife
dia 7: 05/setquartaGranada
(saida p/Córdoba)
Plaza Larga – Arco de las Pesas –  Mirador San Nicolás – Mezquita Mayor de Granada – Camino de San Nicolás – Placeta San Miguel Bajo – Mirador de la Lona – Calle Caldería –  Puerta Elvira/Bairro Sacromonte
dia 8: 06/setquintaCórdobajardins e Mercado Victoria – Puerta de Almodóvar – antiga muralha -centro historico – juderia – Sinagoga – Zoco Municipal – Catedral – Calle de las Flores – Alcázar de los Reyes Cristianos – Ponte Romana – Plaza de la Corredera – Plaza de las Tendillas
dia 9: 07/setsextaCórdoba
(saída para Toledo/Madrid)
Fim Road Trip Andaluzia
Roteiro completo road trip Andaluzia 8 dias

Em breve escrevo o roteiro detalhado de cada cidade, pois elas merecem. Quem quiser ver mais sobre essa e outras das nossas viagens, me siga no Instagram clicando aqui.

E para quem quiser aproveitar outras dicas e roteiros de road trips no Brasil e no Mundo, veja os posts nos blogs a seguir:

13 comentários

  1. Adorei sua road trip de Andaluzia descobrindo a Espanha. Já mostrei aqui para meu marido seu roteiro, estávamos com ideia de ir esse ano, mas em função da pandemia não aconteceu, quem sabe 20211

    Curtido por 1 pessoa

  2. Sensacional essa Road Trip Andaluzia: descobrindo a Espanha. Sabia que meu sonho de adolescente (ainda não realizado) era conhecer Sevilha??? Pois é, amei seu texto, porque me abriu mais os olhos (quanto às dicas e aos perrengues com o carro) e aguçou curiosidades. Agora está mais fácil explorar a região com todas as dicas! Obrigada!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Aqui rola um sonho antigo de percorrer Portugal e Espanha de carro! Adorei esse roteiro pela Andaluzia percorrendo essas cidades tão lindas. Mas andar de carro na Europa requer mesmo muita atenção, especialmente em relação aos locais de estacionamento – a sua história de guincho não é a primeira que ouço…

    Curtido por 1 pessoa

  4. Sensacional essa sua road trip pela região da Andaluzia. A Espanha é incrível ! Eu me apaixonei quando fiz uma viagem de carro por essa região, mas meu roteiro foi um pouco diferente . Já vi que vou precisar voltar e experimentar esse seu roteiro que ficou top demais. Rsrsrs

    Curtido por 1 pessoa

  5. Que sonho! Adoro a Andaluzia, já fiz aulas de flamenco por um bom tempo, conheci algumas cidades mas meu sonho é conhecer mais! Não fiz road trip, deve ser incrível! Antes de ir, eu fiz uma boa pesquisa e fiquei sabendo que tinha que comprar os ingressos de Alhambra com antecedência (assim como vários locais turisticos muito frequentados da Europa) e lá dentro é magnifico, vale muito a pena visitar! Inclusive qiando fomos, nos furtaram em Madrid e quase perdemos a entrada para Alhambra, mas conseguimos recuperar o cartão de crédito que tinha sido furtado e cancelado, mas ainda serviu para pegar o ingresso) Também li sobre a Siesta, mas engraçado que não nos atrapalhou achar locais para comer não ( e olha que meu marido e eu sempre andamos, andamos, andamos tanto e paramos para almoçar por volta de 14h em todas as viagens que fazemos).
    Antes de irmos (foi em 2014), eu peguei muitas dicas no Mochileiros.com (e deixei meu relato da nossa viagem lá). Lembro de ter lido sobre um rapaz que fez essa estrada dos Pueblos blancos de carro também, muito show!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Que demais seu relato, obrigada! Eu não deixei roteiro fechadinho pq essa viagem foi no meio do mochilão, ficamos 3 meses viajando pela Europa e como nunca tinha nem saido do país, optamos por decidir algumas coisas na hora. Essa região é muito linda, são cidades incriveis ne? Nós amamos

      Curtir

  6. Amei conhecer Andaluzia. eu realmente não conhecia? Eu ia voltar pra Europa agora mas o COVID atrapalhou os planos, e teu post me abriu a mente para fazer uma road trip por lá. Obrigada por compartilhar essa experiência.

    Curtido por 1 pessoa

  7. Ahh, eu adoro a Espanha. Amei essa road trip pela região de Andaluzia. Um lugar que me encanta! Preciso voltar para descobrir mais lugares incríveis desse país. Ótimo post!

    Curtido por 1 pessoa

  8. Que país lindo é a Espanha e essa road trip por Andaluzia é demais! Estou encantada com a beleza dos lugares, principalmente Granada! As dicas que vc deu são super importantes, principalmente verificar as regras para cruzar fronteiras de carro! Conheço gente que foi multada assim! Adorei o post!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s